A decoração de vitrine deve ser levada muito a sério, já que é o primeiro meio de contato que o consumidor tem com a loja. Então, é muito importante aproveitar o espaço — mesmo se for pequeno — para implementar as melhores técnicas visuais possíveis.

Existem algumas técnicas especiais para montar uma vitrine irresistível que são bem acessíveis, mas que quase ninguém conta por aí.

Ficou curioso para conhecê-las? Então continue lendo nosso artigo!

1. Invista em uma iluminação bem posicionada

A iluminação é um dos passos mais importantes na hora de decorar uma vitrine, independentemente do segmento da loja. Por meio dela é possível transformar um ambiente, deixá-lo mais agradável e destacar determinados produtos.

Por outro lado, iluminar uma vitrine da maneira errada pode prejudicar todo um varejo. Então, o básico é usar uma iluminação focada, isto é, aquela que valoriza determinado produto.

2. Construa um tema

A escolha do tema é uns dos primeiros passos a ser definido, para você estruturar sua vitrine, entretanto, você precisa estar com seu público-alvo bem definido, ele que te dará um norte para construção do tema. Sua vitrine é uma extensão da realidade do seu cliente, então é um meio de você despertar um interesse pessoal no seu consumidor, para atrair a atenção dele para sua vitrine, e em consequência para seu produto.

Os temas devem ser muito bem usados em datas comemorativas do ano e na troca de estações. É óbvio que se deve usar temas no Natal, Páscoa, Dia dos Namorados e assim por diante. Como também é essencial preparar tudo para o início de inverno, verão, primavera e outono.

3. Mantenha a decoração de vitrine sempre em rotatividade

Se o público feminino é maior do que o masculino, a decoração deve estar voltada para as mulheres. Isso vale para todo e qualquer dado demográfico do público-alvo de um negócio.

De todas as maneiras, a vitrine deve ser renovada periodicamente para não cansar o consumidor. Também é importante focar essa mudança nas datas comemorativas para, assim, atingir as pessoas na hora certa.

4. Jamais polua a vitrine

Não se deve exagerar na comunicação de descontos e promoções, pois isso só vai atrapalhar a combinação visual de uma vitrine. O importante é manter o equilíbrio e não colocar muitos avisos de queima de estoque.

É muito importante decorar a vitrine de forma que ela se comunique bem com o público, mas sem parecer algo exagerado ou apelativo. Além disso, também é muito importante manter tudo limpo por dentro e por fora.

5. Use elementos diferentes

Algumas pequenas diferenças na composição podem atrair mais clientes, visualmente e sonoramente. Por exemplo, deixar uma música que combina com a decoração ajuda a integrar a clientela ao ambiente proposto. Como sempre, essa técnica pode ser muito bem usada durante datas festivas.

Além da música, também podem ser usados os elementos suspensos, já que eles tornam o visual mais agradável e conseguem liberar espaço no chão da loja.

Por fim, as escadas também são fortes aliadas na hora de decorar uma vitrine. É possível incorporá-las ao cenário, criar situações com os manequins e usá-las para a exposição de determinados produtos. Além disso, ainda é possível repaginá-las com cores novas, assim podendo usar uma mesma escada em várias versões de vitrine.

Blog-Instagram

6. Faça pequenas mudanças

É de extrema importância fazer, no mínimo, uma troca por semana. Muitas das pessoas que passam frequentemente pela área vão notar essas pequenas diferenças. Assim, uma vitrine consegue passar um ar de novidade.

Quando falamos de tema, terá mês que será capaz de passar o mês inteiro com o mesmo tema, somente alterando a exposição do produto. Já em outros casos, você precisará usar dois temas no mesmo mês, como por exemplo, Natal e Ano Novo. Só tome cuidado com as datas temáticas como: Carnaval, Páscoa, Dia das Mães, Dia dos Namorados e Dia dos Pais, para sua vitrine não permanecer com o tema após a celebração da data.

7. Conte histórias

Uma boa vitrine deve apresentar, se possível, uma pequena história de fundo para conduzir o olhar do consumidor para o local certo. Fazer esse tipo de decoração não sai muito caro, já que conta apenas com alguns manequins, roupas e outros pequenos elementos.

8. Aposte nas texturas

Elementos que apostam em texturas ajudam a compor um visual bem diferenciado e que chama a atenção, principalmente com a iluminação certa. Coisas mais macias, lisas, rugosas, com aspecto mais antigo, brilhantes em uma superfície ajudam a destacá-la entre os elementos.

Algumas opções como tecidos, penas, bolas coloridas, elementos naturais (gravetos, pedras, folhas, grama artificial) e móveis de diferentes materiais são uma boa aposta para implementar texturas em uma vitrine.

9. Venda apenas o que está em estoque

Isso vale mais para a credibilidade passada do que para a decoração, mas um grande erro é decorar a vitrine com produtos que já esgotaram. Além de ocupar um espaço que poderia apresentar algo mais relevante, este tipo de ação acaba com a credibilidade que o consumidor tem pela loja.

Se restam poucas unidades, apresente esses produtos com uma mensagem avisando o consumidor, por exemplo. Apenas tente se imaginar no lugar do cliente, assim, será possível compreender como é a decepção de gostar de algo e não poder levar para casa.

10. Faça um planejamento

Ao longo desse artigo foram citadas diversas vezes as datas comemorativas, então, vale ressaltar que um bom planejamento é essencial para aproveitar essas oportunidades da melhor maneira.

Crie o planejamento pensando na organização para essas datas. Além disso, é importante também destacar o investimento necessário e focar na maior demanda das datas mais importantes do ano e, dessa forma, potencializar as vendas.

Essa dica também deve ser usada em grandes empresas, mas as pequenas aproveitam-na melhor por trabalharem com um orçamento apertado, assim realmente precisam se preparar para as maiores e melhores datas festivas do ano.

11. Tenha uma identidade visual consistente

Quantas vezes você reconheceu uma marca somente pelas suas cores? Então, isso também deve ser levado em consideração na hora de montar uma vitrine.

Diversas marcas que estão presentes no nosso cotidiano são lembradas devido a algumas características visuais, isso porque elas apresentam esses conceitos de cores em suas propagandas, produtos e, é claro, vitrines.

Ter uma identidade visual facilita transmitir a cara da empresa e atrair potenciais compradores. E eles vão se lembrar da sua marca justamente por causa dessa identidade transmitida.

12. Mantenha a organização

Não se deve misturar os produtos infantis com os para adultos, assim como se deve separar também por gênero e até mesmo culturas. Em uma loja que vende roupas, manter separado os conjuntos sociais das peças mais informais é essencial para manter o ambiente suave e, obviamente, organizado.

Uma decoração de vitrine bem-feita é essencial para atrair os clientes, por isso ela sempre deve aproveitar as datas certas e estar em constante mudança.

Faltou alguma dica? Você conhece mais alguma boa tendência que deve ser seguida? Então deixe o seu comentário!

CTA ebook6