Ser parceiro é não deixar na mão. É estar pronto para trabalhar em conjunto na hora de resolver problemas, assim como na hora de receber elogios. Quando o assunto é escolher uma gráfica digital para parceria, você precisa ter isso em mente.

É preciso buscar um lugar capaz de ir além da entrega com qualidade – também é necessário que a gráfica trabalhe ao seu lado nos deadlines apertados, nos orçamentos urgentes e no que mais for preciso.

E, por isso, fizemos este post: para ajudar você a identificar qual gráfica será uma boa parceira para o seu dia a dia de trabalho.

Leia até o fim e descubra com quem vale a pena fechar a parceria!

Quais são os pré-requisitos básicos?

Alguns profissionais procuram certos aspectos como se fossem um diferencial, quando na verdade são pré-requisitos.

No caso de procurar uma gráfica parceira, ter equipamentos modernos de alta tecnologia não é mais diferencial competitivo, mas sim o básico para a sobrevivência.

Outro aspecto é o atendimento. Atender bem, com atenção e agilidade é obrigação de todo estabelecimento.

Se a gráfica não investe em um bom atendimento, dificilmente ela estará preparada para trabalhar em conjunto, oferecendo soluções ágeis e de qualidade.

Mais um pré-requisito na hora de procurar uma gráfica parceira é o compromisso na entrega. Uma gráfica que não cumpre com prazo, não deve sequer ser considerada para uma parceria.

É preciso ter consciência de que o trabalho da gráfica é um pedaço de uma cadeia de produção que não pode ser quebrada, caso contrário, há um grande atraso na entrega, o que compromete o nível de satisfação do cliente.

Então, antes de começar a analisar uma gráfica, confira se ela tem boa infraestrutura, bom atendimento e compromisso com a entrega. Se ela tiver tudo isso, então é hora de seguir para o checklist.

Como montar um checklist para encontrar uma gráfica digital para parceria?

Gráfica Digital no RJ

Fizemos um checklist de informações para você analisar antes de fechar parceria com a gráfica escolhida.

São itens importantes para você tomar sua decisão sem comprometer a entrega de seus trabalhos, garantindo mais qualidade e satisfação para os seus clientes.

1. Portfólio

Confira o portfólio da gráfica digital. Veja quais clientes ela já atendeu e quais produtos ela já entregou para eles – você conseguirá encontrar essas informações no próprio site da gráfica.

Esse portfólio vai dar uma boa referência da experiência que ela tem e do tipo de segmento de mercado que ela atua. Faça o levantamento de todos os serviços que ela oferece, da impressão à instalação.

2. Qualidade do serviço

Depois de descobrir o que a gráfica digital é capaz de fazer e o que ela atende, é hora de olhar de perto os materiais que ela já fez.

Essa análise não pode ser feita por meio do portfólio do site, por exemplo. Será preciso agendar uma reunião com um representante da gráfica para visualizar algumas peças que ela já entregou.

Veja o acabamento de perto, pergunte quanto tempo ela levou para terminar o serviço e analise tudo com cuidado.

3. Materiais utilizados

Essa reunião também é o momento ideal para verificar a qualidade da matéria-prima. Muitas gráficas disponibilizam o material que é utilizado, uma espécie de portfólio com os tipos de mídias disponíveis.

Dessa forma, fica mais fácil, inclusive, ter clareza de como ficará o material antes de fechar o pedido.

Uma dica importante é sempre ficar atento à descrição e especificações de todo material gráfico encomendado, e a gráfica tem que estar preparada para esclarecer todas as suas dúvidas.

Algumas fornecem, inclusive, amostra grátis do material para que o cliente possa se sentir mais seguro na hora da aprovação.

E não se esqueça: material impresso precisa ter uma qualidade nota 10! Se você não está certo disso, procure outra parceria.

4. Equipamentos de ponta

Verifique se a gráfica utiliza maquinário moderno e adequado para garantir a melhor qualidade dos materiais.

Ter equipamentos de alta definição, por exemplo, mostra que a empresa se preocupa em oferecer o melhor para os seus clientes, com tecnologias de última geração. Outros diferenciais são a impressão digital UV e o serviço de corte router.

Mesmo que você não tenha planos de imprimir um material que exija alta tecnologia, a empresa parceira tem que estar preparada com um parque gráfico qualificado para atender, no futuro, possíveis demandas mais complexas.

5. Atendimento acessível

Uma gráfica parceira deve ter um atendimento acessível, já que trabalha com projetos que envolvem muitos detalhes que precisam ser esclarecidos e checados.

Além disso, esse atendimento precisa ser cordial e solucionar os problemas por meio de uma comunicação clara, transparente e ágil.

O ideal é que essa gráfica parceira ofereça também o contato com uma pessoa que tenha um cargo de gerência ou liderança na equipe e que possa resolver questões mais urgentes.

A assistência na criação do material também pode ser um diferencial. Prefira sempre gráficas que disponibilizem um profissional para sugerir ou apontar possíveis problemas na arte do material.

Atualmente, é fundamental que a gráfica também coloque à disposição do cliente uma via de atendimento online, por Skype ou WhatsApp, o que facilita muito o contato no dia a dia.

6. Preço competitivo

Na busca por uma parceria, o preço não pode ser o único requisito. Como vimos, são muitos os detalhes que devem ser considerados. Aliás, desconfie de gráficas que oferecem serviços a um preço abaixo do praticado.

No mercado de gráficas, a concorrência é bem grande. Busque aquelas que conseguem oferecer um preço competitivo, aliado à qualidade do material e do atendimento.

7. Opinião de consumidores

Depois de analisar todos esses itens, sempre é interessante ouvir a opinião de outros clientes ou ex-clientes da gráfica. Saber sobre sua reputação no mercado é fundamental!

Isso é possível por meio de fóruns de consumidores, colegas que já tenham contratado os serviços dessa gráfica ou até em sites como Procon ou Reclame Aqui.

Não deixe de verificar se o CNPJ está cadastrado e se as informações sobre a empresa, como telefone, endereço e e-mail existem mesmo e se estão relacionados à gráfica digital.

8. Compromisso com o cliente

Fique de olho no tempo que você demora para ser atendido e quanto tempo a gráfica digital leva para te apresentar uma solução.

Veja também se ela estará disposta a entregar algo com um prazo mais curto ou se a gráfica é capaz de entregar um orçamento importante imediatamente, quando necessário. Tudo isso vale muitos pontos e vai ajudar você a fazer o seu trabalho melhor.

Falamos acima que o compromisso com prazo é pré-requisito para uma gráfica parceira. Mas compromisso com o cliente também é importante e se refere à disponibilidade que a gráfica e seus funcionários apresentam na hora de ajudar você a solucionar um problema.

Pronto! Se a gráfica passou por todos estes requisitos, ela será capaz de se tornar uma grande parceira do seu negócio.

Agora que você já sabe como encontrar uma gráfica para parceria, assine nossa newsletter e saiba mais sobre esse e outros assuntos ligados a impressão de materiais e comunicação visual!